BLOG CONCRETO

DICAS E NOTÍCIAS DO MERCADO IMOBILIÁRIO

Centros comerciais de bairro voltam à cena

10 de maio | 2017

Das três torres do Central Park Shopping & Residence, da Concreto, poucas unidades estão disponíveis

O conceito de empreendimento de uso misto é tendência nos principais centros urbanos de todo o mundo, como Londres, Tóquio, Los Angeles e Nova York. Com o crescimento desse segmento, os mixed-use, como também são conhecidos, também ganharam força por aqui.

Em Belo horizonte, a novidade vem da Concreto Construtora. Com um Valor Geral de Vendas (VGV) de RS 175 milhões, o Central Park Shopping & Residence, localizado no bairro Betânia, na região Oeste, integra uma nova linha de produtos da empresa intitulada Vida Empreendimentos, que tem como mote projetos inovadores, arrojados, situados em locais novos e com alto potencial de valorização. As duas primeiras torres do condomínio já estão vendidas, e as últimas unidades estão sendo comercializadas a partir de R$ 327 mil, com condições especiais de financiamento pela própria construtora.

“No primeiro lançamento das duas primeiras torres do Central Park foram vendidas 300 unidades em oito meses. No último ano, no lançamento da terceira e última torre, vendemos 50% do estoque, o que configura um case de sucesso no mercado imobiliário de Belo Horizonte. Faltam poucas unidades agora e estamos trabalhando para que todo o estoque seja finalizado até o fim do ano”, explica a gerente de Marketing da Concreto, Marcelle Franco. Com o shopping, completa, não é diferente, 80% das lojas já estão alugadas e a tendência é de que os outros 20% sejam negociados até o fim do ano, quando ao menos duas das torres já estarão sendo habitadas.

“Marcas de renome como Drogaria Araujo, Burger King, Hering, 1.99, Loja do Galo, Pomodori, EPA Plus e Melissa, estão entre algumas lojas do shopping, que ainda terá padaria gourmet, academia, esmalteria, moda feminina e masculina e praça de alimentação completa”, afirma o gerente-geral do shopping, Daniel Demattos. O shopping, ele diz, tem um fluxo de 90 mil pessoas por mês, volume bem expressivo comparado com os demais shoppings da cidade.

“Temos um alto padrão de qualidade e o nosso compromisso é realizar uma entrega responsável para o cliente. As pessoas precisam identificar nosso cuidado intenso com a qualidade em tudo o que fazemos. Esse compromisso passa pela assinatura de um contrato detalhado e na oferta de itens que irão suprir necessidades que o cliente ainda nem sabe que tem”, afirma o fundador da empresa, Miguel Safar. Segundo ele, todos os projetos da construtora só saem do papel se tiverem, ao menos, um item inovador. A construtora, nos últimos anos, vem apostando em novos nichos de atuação, como os de shoppings, loteamentos e empreendimentos hoteleiros e empresariais.

“Além de desenvolvermos projetos diferenciados na área residencial de alto luxo, investimos em negócios voltados para modelo de renda, seja em lajes corporativas, hotéis, como no caso do Quality Pampulha, Fasano Belo Horizonte, ou shoppings, como o Central Park Shopping. Estamos também investindo na área de loteamentos residenciais e industriais e, em breve, estaremos apresentando ao mercado produtos bem diferenciados”, explica a gerente de Marketing da Concreto Construtora, Marcelle Franco.

Conceito inovador – O Central Park Shopping & Residence contempla apartamentos de dois e três quartos, com tamanhos de respectivamente 55 m2 e 75 m2, com três torres residenciais de alto padrão construtivo, além de área de lazer e um completo shopping center com mais de 60 lojas, que já estão em funcionamento desde o início de 2016. O projeto está localizado em uma área de 22.403 m2. O empreendimento terá seus primeiros moradores ainda este mês. Já as outras duas torres serão entregues até meados de 2018.

Infraestrutura – Playground, espaço kids, salão de festas, piscinas adulto e infantil, sauna, spa com descanso, salão de jogos, home theater, quadra poliesportiva, fitness, sala de estudos e home Office são alguns dos atrativos do mixed-use. “Cada vez mais o consumidor anseia por soluções urbanísticas que integrem e dinamizem as diversas atividades executadas em seu cotidiano. Um projeto como esse viabiliza o descanso, a segurança, o lazer, além da praticidade na hora de sair para jantar com a família ou fazer compras, por exemplo. É simplesmente descer pelo elevador do seu prédio e ter um shopping aos seus pés”, explica Marcelle Franco.

Para ela, o Central Park Shopping & Residence não é só mais um empreendimento imobiliário na região Oeste. “O condomínio gera valor agregado para toda a cidade. Isso acontece porque o empreendimento atende às diretrizes do Plano Diretor de Desenvolvimento Integrado (PDDI) da Prefeitura de Belo Horizonte, que incentiva o desenvolvimento socioeconômico de novas centralidades e melhora a mobilidade urbana”, diz. Na sua visão, ele ainda se diferencia por estar localizado em uma região que apresenta uma diversificada estrutura de serviços e comércio composta por escolas, faculdades, hospital, parque etc. “A região Oeste está se consolidando como ‘protagonista’ do mercado imobiliário devido ao seu crescimento sustentável, infraestrutura variada e alto potencial de desenvolvimento”, completa Marcelle Franco.

cadastre-se
e garanta condições especiais